10 de julho de 2011

REFLEXÕES # 10

EXPECTATIVA

Leitura indicada:
JOÃO 4:46-53

Versículo Base:
A palavra do Senhor é verdadeira; ele é fiel em tudo o que faz.”
SALMO 33:4

Se a história que você acabou de ler fizesse parte de um seriado, daqueles em capítulos na imprensa ou na televisão, o autor certamente interromperia a narrativa após o versículo 50 com algo como: “Como o oficial encontrará o seu filho? Não perca o próximo capítulo!” Para João, o que importava não era deixar o leitor nessa expectativa, mas aquele oficial certamente passou por essa sensação.

Entre o encontro com Jesus e o reencontro com seu filho havia uma viagem de Caná a Cafarnaum, e o texto diz que ele só chegou ao destino no dia seguinte. Aflito como estava pela cura do filho, imagino a tensão que ele sentiu nesse intervalo.

O relato diz apenas que ele confiou na palavra de Jesus, apesar de Jesus lhe ter negado seu primeiro pedido – de acompanhá-lo até o lugar. É verdade que, com isso, Jesus transmitiu segurança ao mostrar tranquilamente que sabia o que estava dizendo e fazendo. Se o acompanhasse, a expectativa talvez não fosse menor: Jesus vai examinar o rapaz – será que vai conseguir fazer algo? Aqui o homem já partiu com a promessa de atendimento – mas era apenas uma promessa, nada visível.

Para nós, levanta-se diante dessa história a questão de como lidamos com as promessas de Deus, porque ele também não nos acompanha visivelmente. No entanto, ao ler a Bíblia, encontramos com freqüência suas promessas para nós – não necessariamente de cura de doenças, como aqui, mas do seu cuidado com nossa vida e de orientação a ela, de amor e misericórdia diante de nossas debilidades e falhas. Mais ainda, era nos tornar cada vez mais semelhantes a ele mesmo (2Pe 1:4)!

O procedimento daquele oficial pode ensinar-nos a ficar tranqüilos a respeito do que Deus nos promete, mesmo se durante algum tempo ainda ficarmos sem enxergar nada, porque como diz o versículo em destaque, Deus é fiel e sua palavra não falha.

A confiança tranquila em Deus também é uma forma de adorá-lo.*

Precisamos crer nas promessas de Deus para a nossa vida!

Nossa atitude deve ser como a do oficial: mesmo Jesus tendo lhe negado o primeiro pedido, ele creu em Jesus e pôs-se a caminho para ver seu filho.

REFLITA:

Você tem confiado em Jesus?  Mesmo quando Ele te nega algo?

Ou você não confia e não crê mais em Jesus porque você pediu algo e Ele não atendeu?

Você continuará a seguir a Jesus mesmo que Ele não atenda todos os seus pedidos?

Lembre-se que Deus é soberano e sempre sabe o que é melhor para cada um de nós: “E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.” – ROMANOS 12:2 – [grifos meus].

Portanto, tenha em Deus! Tenha também em Jesus Cristo:
“Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.” - JOÃO 14:1

Permaneça firme nos caminhos do Senhor!

“Os que confiam no SENHOR são como o monte Sião,
que não se abala, firme para sempre.”
SALMO 125:1

Que a sua fé esteja sempre firme em Deus, o nosso sustentador!

A paz do Senhor.

Missionária: Kátia Tribiolli
twitter: http://twitter.com/MinistrAmorDeus
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

FONTE(S):
* TEXTO do livro: PÃO DIÁRIO ®
O livro de leituras devocionais diárias no. 14
Copyright © Rádio Trans Mundial
Autor do texto citado: Roland Körber, São Paulo - SP
Meditação para o dia 03/07/2011:
(GRIFOS, SUBLINHADOS E NEGRITOS MEUS)
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

ABREVIAÇÕES USADAS:
Pe: Pedro
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTE!
Sua opinião é muito importante para o blog!
Deixe aqui sua opinião, sua crítica ou seu entendimento sobre o artigo.
ATENÇÃO! Nem todos os comentários serão aprovados!
Para maiores esclarecimentos sobre aprovação dos comentários acesse a página: SOBRE e leia nossa Política de Comentários.

Get Sharing Tolls