5 de agosto de 2011

DIA DO ORGULHO HETEROSSEXUAL

DIA DO ORGULHO HETEROSSEXUAL SERÁ APROVADO EM SÃO PAULO?

Carlos Apolinário, vereador da cidade de São Paulo, intituiu um projeto de lei que cria o DIA DO ORGULHO HETEROSSEXUAL em sua cidade. Mas para que o projeto de lei seja sancionado é necessário ser aprovado pelo prefeito Gilberto Kassab.

Desde que o vereador teve a intenção de instituir o projeto ele está sofrendo perseguição do grupo LGBT e seu site oficial foi invadido por hackers. O invasor se identificou como figli tariki shmotov - RedHack Brasil.

Segundo a assessoria de imprensa do vereador as 3000 pessoas cadastradas no site receberam uma mensagem afirmando que "um homossexual é morto a cada 36h". Também afirma que este tipo de crime aumentou 113% nos últimos cinco anos e que no ano passado foram mortos 260. Também afirma que nos 3 primeiros meses deste ano foram assassinados 65. 

Tony Reis, presidente da ABGLT (Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais) afirmou que "apesar do pensamento homofóbico de Apolinário, a ação dos hackers não se justifica. Isso que fizeram é crime. O site é a propriedade da pessoa. Me solidarizo com ele porque estas coisas devem ser discutidas no mundo das ideias."

E, para finalizar, a ABGLT enviou carta ao prefeito pedindo que ele não sancionasse este projeto de lei. Tony Reis diz que é válido as pessoas sentirem orgulho "de ser quem são", mas ela incentiva ainda mais o preconceito contra os homossexuais.

Em resposta, a CADS/SP (Coordenadoria de Assuntos de Diversidade Sexual da Prefeitura de São Paulo), nesta quinta-feira de manhà, enviou a ABGLT documento afirmando ser contrária à motivação e às justificativas para a instituição do Dia do Orgulho Heterossexual.

Procurado pelo R7 o prefeito de São Paulo enviou mensagem pela sua assessoria de imprensa de que o projeto será analisado para depois se manifestar.
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------



ORA, ORA, ORA!



Gostaria de saber e entender o porquê de existir o "tal" DIA DO ORGULHO GAY e os mesmos que o instituíram estar contra a instituição do DIA DO ORGULHO HÉTEROSSEXUAL...



Pessoal, vivemos num país livre! Todos temos o mesmo direito a livre expressão de pensamentos e idéias. Se nós, que somos hétero fomos forçados a "engolir" o  DIA DO ORGULHO GAY, porque não se pode instituir o DIA DO ORGULHO HÉTEROSSEXUAL?



Este movimento acaso pensa que somos trouxas? Porque não podemos ter o DIA DO ORGULHO HETEROSSEXUAL? Que alguém me responda...

Penso que também seria bom instituirmos outros dias:
- DIA DO ORGULHO DE SER HOMEM
- DIA DO ORGULHO DE SER MULHER
- DIA DO ORGULHO DE SER EVANGÉLICO
- DIA DO ORGULHO DA BÍBLIA...

Entre tantos outros... Afinal viva a democracia!

A Bíblia nos ensina que precisamos viver e nos manter na paz...

"Não torneis a ninguém mal por mal; 
esforçai-vos por fazer o bem perante todos os homens; 
se possível, quando depender de vós, 
tende paz com todos os homens; 
não vos vingueis a vós mesmos, amados, 
mas dai lugar à ira; porque está escrito: 
A mim me pertence a vingança; 
eu é que retribuirei, diz o Senhor."

ROMANOS 12:18-19

Fiquem todos com a mais santa paz de Cristo!

Missionária: KÁTIA TRIBIOLLI
e-mail: servadosenhor-2010@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTE!
Sua opinião é muito importante para o blog!
Deixe aqui sua opinião, sua crítica ou seu entendimento sobre o artigo.
ATENÇÃO! Nem todos os comentários serão aprovados!
Para maiores esclarecimentos sobre aprovação dos comentários acesse a página: SOBRE e leia nossa Política de Comentários.

Get Sharing Tolls