3 de maio de 2015

O caos do NEPAL descrito por um missionário brasileiro

MISSIONÁRIO BRASILEIRO RELATA O CAOS APÓS TERREMOTO NO NEPAL

Dois dias após o terremoto de 7,8 graus que atingiu o Nepal, o missionário brasileiro Edgar Garcia, de 26 anos, afirmou nesta segunda (27) que a vida no país tem sido ‘um caos’. Segundo ele ‘a sensação é terrível’, já que falta água, comida, remédios e energia elétrica em Katmandu, capital do país. “Você não tem como fazer nada, a não ser usar o seu instinto para sobreviver”, descreveu.

Edgar é do Rio de Janeiro, formado em Pedagogia e morava em Boa Vista desde 1991. Ele foi viver como missionário no Nepal em fevereiro deste ano. Ele é missionário do Centro de Treinamento do Diante do Trono, em Belo Horizonte, e está no último ano de estudo, que envolve a prática no campo missionário, e por isso viajou para o país. O jovem pertence à Igreja Batista Lagoinha.
Conforme autoridades do país, o número de mortos depois do terremoto que atingiu o Nepal chegou a 3,8 mil nesta segunda-feira. Dezenas de milhares de pessoas ficaram sem comida, água ou abrigo, após o abalo sísmico que é considerado o mais violento dos últimos 80 anos. Cerca de 18 pessoas morreram no monte Everest por causa de deslizamentos.
Segundo brasileiro, pessoas abrigadas em galpão de campo de batata esperam um posicionamento do governo para voltarem para as casas
Segundo o brasileiro, pessoas abrigadas em galpão de campo de batata esperam um posicionamento do governo para saber se podem voltar as suas casas
Ao G1, Edgar afirmou, através do WhatsApp, que tem vivido em um acampamento coletivo desde o dia do terremoto. O galpão fica em um campo de plantação de batatas, nas proximidades da casa onde ele morava com os também missionários brasileiros Debora Ramos, Filipe Bittencout, Nathalia Dal Moro e Beatriz El-bainy. Todos, segundo Edgar, sobreviveram ao abalo sísmico e estão vivendo no acampamento.
“O quarto andar da casa onde vivíamos desabou. No momento do terremoto de sábado, eu estava no terceiro piso e todos nós saímos correndo para a rua. No caminho, encontramos crianças e as ajudamos a descerem conosco. Graças a Deus sobrevivemos e estamos todos bem”, narrou Edgar.
Ele relatou que a maior necessidade dos sobreviventes é de estocar alimentos e água e acrescentou ainda temer epidemias, devido ao grande número de feridos e mortos.
O brasileiro (de camisa vermelha, à esquerda) e amigos em Nepal
O missionário brasileiro (de camisa vermelha, à esquerda) e amigos no Nepal
“Tá faltando água e a gente precisa estocar comida. Temos medo de epidemias, por causa da quantidade de mortos e a falta de assistência”, descreveu, acrescentando que apesar de ser socorrista formado pela Cruz Vermelha, tem dificuldades para ajudar os sobreviventes por falar apenas inglês.
“Estamos prestando ajuda, mas as portas se abriram de fato para nós quando levamos milhares de caixas de bananas a sobreviventes. Nesse momento, todos queriam nos receber, porque a população tem fome e precisa de remédios”, narrou.
O missionário e os quatro amigos tem, segundo ele, muita vontade de ajudar as famílias reconstruindo casas e igrejas. “Esse é o nosso maior desejo agora”, descreveu Edgar, contando que muitas pessoas que vivem no acampamento perderam as casas e outras aguardam avisos do governo para saber se é seguro voltar às residências.
Nesta segunda, o Itamaraty informou já ter localizado 60 dos 79 brasileiros que estavam no Nepal na hora dos tremores. Ainda não há registros oficiais de brasileiros mortos.
Deixe o seu comentário no Verdade Gospel.
Fonte: G1
Tags:  •  • 
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
OREMOS IRMÃOS! VAMOS INTERCEDER PELAS PESSOAS DO NEPAL!

E quem puder, que envie ajuda humanitária: roupas, mantimentos, dinheiro.


"Muito pode, por sua eficácia, a súplica do justo."
TIAGO 5:16b


Oremos para Deus venha mudar a sorte deste país.


Muita paz, alegria e ricas bençãos no Senhor!

Missionária KÁTIA TRIBIOLLI
estudante de teologia
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Notícia copiada do site: VERDADE GOSPEL
Página principal: http://www.verdadegospel.com/
Link: http://www.verdadegospel.com/missionario-brasileiro-relata-o-caos-apos-terremoto-no-nepal/?area=1

2 comentários:

  1. Orando, é tudo o que pode se dizer, lemos das suas necessidades e o quadro descrito é aterrador, só Deus para consolar,dar forças e guiar em horas como essa. Deve ser assim em todas as áreas de nossas vidas - estamos debaixo do olhar amoroso de Deus. Aquele que pode infinitamente mais do que tudo o que pensamos ou sentimos dará o que realmente necessitamos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade amigo @Eder! Este quadro é terrível. Só mesmo irmãos em Cristo que amam o Reino e o próximo para orar e interceder por casos assim. Que nossas orações possam chegar ao coração de Deus e que se for da vontade do Pai que ele mude a sorte destas pessoas e de todos quantos cuidam delas.

      Muita paz, alegria e ricas bençãos do Senhor!

      Excluir

COMENTE!
Sua opinião é muito importante para o blog!
Deixe aqui sua opinião, sua crítica ou seu entendimento sobre o artigo.
ATENÇÃO! Nem todos os comentários serão aprovados!
Para maiores esclarecimentos sobre aprovação dos comentários acesse a página: SOBRE e leia nossa Política de Comentários.

Get Sharing Tolls